Inicio   I   3 Fatores   I   Conferências   I   Salas de conferências   I   Biblioteca   I   Estudos    I   Links


Conhecimento de Si Mesmo - Conferência Nro 49

voltar atrás

A Dualidade


Esta conferência tem como objetivo mostrar o próposito mesmo da existência no planeta.
Todas as chispas saem do Sagrado Sol Absoluto por algum dos Sete Raios da Criação. Esgotando o tempo da manifestação cósmica deverá regressar novamente ao Absoluto.
Para a manifestação cósmica lhe asignam a cada uma 300.000 anos esotéricos. Esses 300.000 anos esotéricos equivalem aos 3.000 giros na Roda do Samsara. Porém para buscar o êxito na Roda do Samsara somente se necessita UMA SO existência. Não se requer esgotar as 324.000 mil existências humanas, senão utilizar uma só existência.
De todas as maneiras, se tem alternativas; a primeira, O Exito, a segunda, O fracasso, e a terceira é a Renúncia.
EXITO: E lograr a Auto Realização íntima do Ser, dar os dez Passos que se necesitam para poder lograr Auto realizar a nosso Ser.
Para Auto realizar ao Ser tem que liberar toda a Consciência, criar os Corpos Existências do Ser e ajudar pelo menos a uma pessoa que se auto realice.
FRACASSO: Quer dizer, esgotar as 324.000 existências com corpo físico humano. E não trabalhar na Obra. Regresar ao Absoluto com o 3% de Consciência, onde lhe daram a felicidade perpétua e um trabalho para fazer a perpetuidade, fica como chispa fracassada.
RENUNCIA: E sair da Roda do Samsara, mediante um procedimento com a Mãe Divina, para que limpem a chispa, a purifiquem e a regresem ao Sagrado Sol Absoluto, nas mesmas condições como chispa fracassada.
Todos nos estamos aqui aprendendo a trabalhar. Se logramos a Consciência plena poderemos trabalhar em uma forma plena no Universo, onde terá cargos para cada uma das chispas. Todas as chispas tem um posto de trabalho no Universo. No Universo ninguém fica desocupado. As chispas que logrem converterse em homens Absolutos, essas chispas poderam moverse sempre livremente pelo Universo, porque são os Deuses do Universo. Cada uma delas é um Deus que terá logrado a Auto Realização Intima do Ser.


A UNIDADE:
A Chispa é vomitada do Sol Absoluto como unidade e deve regressar ai como unidade. Para poder trabalhar, imediatamente que brota do Absoluto, tem que desdobrar-se ou dividir-se em dois. É a Mônada em si mesma. Essa Mônada é A DUALIDADE.


A DUALIDADE:
O Santo Afirmar se desdobra no Santo Negar.

Atman
Sim
Positivo
Ser
Budhi
Não
Negativo
Não-Ser

O branco se desdobra no negro, o alto no baixo, o gordo no magro, alegría em tristeza, triunfo em derrota. Tudo, absolutamente tudo fica com a Dualidade. Um existe em função do outro.
O Santo Afirmar se desdobra no Santo Negar para poder criar. Um necessita do outro, masculino precisa de feminino; o falo precissa do yoni, etc., etc.
O SIM é a parte positiva, a parte afirmativa, a parte masculina. O SIM o vemos até com um simples movimento vertical da cabeça. É aceitação.
O NÃO o vemos também, em um movimento horizontal, e é negação. O SIM e o NÃO formam a Cruz. O SIM é a parte masculina, o ativo; o NÃO e a parte feminina, e o passivo.


A TRINDADE:
Ao estar desdobradas as duas forças aparecem a terceira, é o Santo Conciliar, Vejamos:

Afirmação
Paí
Positivo
Sabedoria
Verdadeiro
Negação
Filho
Negativo
Justiça
Justo/Bom
Conciliação
Espírito Santo
Neutro
Poder
Util

O Santo Afirmar, o Pai, se desdobra no Filho ou Santo Negar, e entre os dois aparece o Santo Conciliar, a energia Criadora do Espírito Santo, a Mãe. O Paí é SIM, a Sabedoria, Se aprendemos a fabricar Sabedoria do NÃO começamos a criar.
Quem é NÃO?. O treinador Psicológico, Lúcifer, Ele maneja a Balança, Se o vencemos, Ele nos dará a Luz e a Sabedoria e o Fogo ou Amor. Se nós nos deixamos vencer por Ele nos faremos seus escravos. Ele é o Desejo em todos os seres humanos. E ao ser o Desejo é o Eu em cada um de nos.
Em cada um de nossos desejos está escondido o Fogo, e esta escondida a Luz, a sabedoria. Se nós queremos triunfar temos que vencer o Diabo.
O Pai diz: "Ninguém vem a MIM senão através do Filho". O Filho é a Justiça. O que quer Sabedoria tem que vencer o Desejo porque somente tem Sabedoria para o que se apossa do Fogo, para o que tem derrotado o Diabo.
Se queremos vencer a Lúcifer devemos estudar o objetivo do Desejo. Quando um estuda o objetivo do desejo descobre que éste busca:

• Ser ou
• Não Ser

Vejamos agora:

O Paí é a Sabedoria e é a Verdade
O filho é a Justiça, e é o Bom
O Espírito Santo é o poder, é o Útil

Portanto, temos que aprender a viver em vígilia de momento em momento. Para cada coisa que vamos fazer devemos perguntar-nos:

• Isto é Verdadeiro?
• Isto é justo?
• Isto é Útil?

Se nos utilizamos esta técnica chegaremos a algo muito importante, vamos ver que esse é o segredo para poder governar o Quaternário.


O QUATERNARIO:
O Quaternário está representado por um Cuadrado Perfeito com quatro ângulos retos, que nos convida a refletir um pouco. Esses quatro ângulos retos estão íntimamente relacionados com as três funções da Alma que esgotam nossas energias.

• Sentir
• Pensar
• Fazer, com Obras e palavras

Se aplicamos a Retidão em essas funções lograremos: o Reto Sentir, o Reto Pensar, o Reto Falar e o Reto Obrar.

O Reto Sentir: Que é o Reto Sentir? Se em determinado momento me dou conta de que estou sentindo em meu interior algo desagradável ou agradável, o desejo de matar, ódio, uma emoção negativa, sofrimento, etc., acabo de descobrir que não tenho um Reto Sentir. Se estou enamorado de uma jovem e estou casado, também me dou conta de que essa sensação, de agrado, é de um eu e não do meu Ser.
Como discernir sobre o Reto Sentir:

• Isto que estou sentindo é Verdadeiro?
• Isto que estou sentindo é Justo?
• Isto que estou sentindo é Útil?

E ai mesmo fica o sentimento despedaçado. Nos damos conta que estamos odiando sem necessidade, que estamos guardando resentimento. Quando verificamos nossos sentimentos, nos damos conta de que não são tão justos, nem tão nobres como acreditavámos. E não vale a pena que gastemos energia desnecessariamente.

O Reto Pensar: Quando uma pessoa descobre que está pensando, usando seu Centro Intelectual, deve perguntarse:

• Isto que estou pensando é Verdadeiro?
• Isto que estou pensando é Justo?
• Isto que estou pensando é Útil?

E imediatamente se dá conta, o que estaba pensando era um eu, não o Ser.

O Reto Falar: Todos os seres humanos gastam energia inútilmente falando mecânicamente durante todo o dia. Coisas boas, más, agradáveis e desagradáveis. Porém, de todas as maneiras nunca refletimos em que as palavras são Energia Criadora do Espírito Santo, e nelas esta todo seu poder encerrado.
Quando alguém vai falar mecânicamente deveria perguntar-se:

• Isto que vou falar é Verdadeiro?
• Isto que vou falar é Justo?
• Isto que vou falar é Útil?

Se não,o melhor e não falar, porque se está malgastando as poucas energias que tem. E essas não serão devolvidas nem repostas por ninguém. Ai voltamos que se não tem poupança de energia não tem nada.

O Reto Obrar: Tal como acontece com nossas palavras acontece com nossas obras. Nos enfrentamos em determinado momento a situações e nos metemos como loucos ou como tontos a construir catedrais, e quando nos damos conta, estamos comprometidos em umas obras terríveis, que gastam muita energia e não produz nada. Não refletimos:

• Se esta Obra que desejamos fazer é Verdadeira?
• Se esta Obra que desejamos fazer é Justa?
• Se esta Obra que desejamos fazer é Útil?

Se aplicamos a Trindade nestes quatro pontos, como resultado aparecerá a poupança de Energia ou Equilíbrio dos Centros, o que nos permitirá cristalizar o QUINARIO.


O QUINARIO:
O Quinário está simbolizado por uma estrela de Cinco Pontas. Essa estrela de Cinco Pontas é um Homem Verdadeiro. Nos não somos homens, nos sentimos homens porém, não o somos.
Para ser homens temos que ter criado Cinco Corpos, que nos dão poderes aterradores e que nos tornam completamente diferentes ao que somos. Porém esses Cinco Corpos se criam na forja dos Cíclopes, no Sexo, com a Energia Criadora do Espírito Santo. Se criam sobre a coluna vertebral.
A este trabalho se denomina GENESIS, criarse a si mesmo. Nascer da Agua e o Fogo. É a PRIMEIRA MONTANHA ou Montanha do Nascimento.

Os Cinco Corpos que tem que criar são:

• O Corpo Físico Solar
• O Corpo Vital Solar
• O Corpo Astral Solar
• O Corpo Mental Solar
• O Corpo da Vontade Solar

Um homem tem que ter a Vontade, senão a tem, não é um Homem.
São homens as mulheres e os varões que cheguem a ter esses Cinco Corpos. Não são homens os que tem falo, como acredita vulgarmente todo o mundo, senão todo aquele que tenha trabalhado com seu Mercúrio, com suas energias, poupando-as no Quaternário e investindo na Criação dos Corpos. Assim se transforma em um homem.
Daí as palavras do Mestre Jesús. Quando os discípulos lhe perguntaram que faziam com a Madalena. Ele diz: "Deixa-me que eu farei dela um homem". Aí está o segredo, tanto os homens como as mulheres podem fazer a mesma Obra, na mesma existência, o único que se precissa é transmutar a Energia Criadora Sexual para poder criar os Cinco Corpos.
Para poder converternos em homens, tem que aprender a POUPAR a Energia. Essa Energia nos da a Mãe Divina todas as noites. O total de cem por cento de energia; Todos os dias quando nos levantamos a temos. Então, depende de nós o bom ou o mal uso que fazemos dela.
Terá alguns que prefiram derramar o sêmem, tirar a semente da sua própria estância, como terá outros que optaram por poupá-la. Terá uns que a gastaram em emoções negativas, ou positivas, que a consumiram pensando, outros falando. Porém aquele que aprenda a poupar poderá criar os Cinco Corpos do Ser, na prática da Transmutação Sexual, e se converterá em um Homem.
Esse Homem é, a Alma Humana; Alma Humana deveram ter os varões e as mulheres que aspiram a ao Paraíso. Tem que chegar com Ela, sem a Alma Humana não entra ninguém.
Todos nós saimos pela porta do Sexo e temos que voltar a entrar pela mesma porta, criando os Corpos Existências do Ser.
Se nós logramos esses Cinco Corpos teremos direito à Escolha do Caminho; Tem dois caminhos, um caminho nos levará diretamente para a Unidade; E tem outro caminho que nos distrae e nos tira do trabalho esotérico, apesar de que vamos seguir metidos no esoterismo nos tira do trabalho esotérico.

▪ Um caminho se chama: Caminho do Nirvana ou da Espiral.
▪ O outro se chama Caminho Direto, É o Caminho do Cristo.

Não tem, senão, estes dois caminhos. Se uma pessoa decide pelo Caminho do Cristo, começa a dar o passo denominado SENARIO.


O SENARIO:
Depois de ter subido o Fogo até a laringe, se deverá subir até o entrecilio:

• A Primeira subida do fogo e do Cóxis até o Sacro.
• A Segunda é do Sacro até o Centro Emocional.
• A Tercera é do Centro Emocional até o Coração.
• A Quarta é do Coração, até a Laringe.
• A Quinta Iniciação é desde a Laringe até o Entrecilio. Essa e a Quinta de Maiores.

Portanto, o que decidiu pelo Caminho Direto levará seu Fogo até entrecilio, e aí brilhará uma estrela que é a Estrela de Seis Pontas, formada por dois triângulos cruzados. Um que é a Alma Divina que desce, e o outro é a Alma Humana que sobe.
A esse passo, para todos os que tem essa estrela de seis pontas na testa, se o conhece como: celebrar o Matrimônio Perfeito.
O Iniciado possui a Estrela de David, a estrela de Belém, a Estrela de Seis Pontas, que ilumina a árvore de Natal, a que lhe dá direito a participar no Natal do Coração. Somente os homens atrevidos que ousaram tomar pelo Caminho Direto tem a Estrela de Compostela, que essa Estrela se desenvolve no entrecilio, na sua testa, e se saiba que esta pessoa a levado a cabo o SENARIO:

O propósito e chegar a Deus verdadeiramente. E para chegar a Deus verdadeiramente, tem que dar os passos corretos, não se pode desviar do caminho. Quando já se chegou a essas alturas, todos os que logram este Matrimônio Perfeito, tem direito ao SEPTENARIO.


O SEPTENARIO:
O Sepetenário é uma estrela de Sete Pontas. É o Super Homem, O Cristo.
O Cristo é o Filho do Homem. Se não nos fazemos homens não haverá Cristo.
Indubitavelmente, chegar até o Natal do Coração é o evento mais importante da história do Homem. De nada serviria ter celebrado mil natais se não celebrou uma só vez seu próprio Natal; Então, este evento de celebrar o Natal do Coração, o Advento do Fogo Cristico, é o Principio do APOCALIPSIS na pessoa.
Isto esta indicando algo muito importante na pessoa: o começo da SEGUNDA MONTANHA.
A Montanha da Morte.
I.N.R.I, Ignis Natura Renovatur Integram. O Fogo renova incessantemente a natureza.
O Cristo é o Amor, o Fogo que ha de renovar toda nossa natureza. Por isso o advento dessa Chama em nosso interior nos transforma radicalmente. O nascimento do Cristo dá lugar ao processo do Apocalipsis.
Que quer dizer Apocalipsis? É o fim pelo Fogo, porém qual Fogo? Pois o Fogo Sagrado, que deve prenderse em nossa coluna vertebral, o Kundalini, que por sua vez, faz brilhar as Sete Igrejas que cada um tem ao longo da coluna.
Esse Fogo irá ascendendo igreja por igreja até completar as Sete, e levar a cabo a Morte e Resurreição, diretamente em nós. Porque somente esse Fogo ressucita, somente esse Fogo nos dá vida e nos conduzem ao Nascimento Segundo.
Com a Morte se mata á morte por uma Eternidade. Isto quer dizer que quando ocorre a morte dos Eus Causa, ou as Causas mesmas do Erro, todas nossas chispas ficam livres, e com esta morte se chega á Resurreição.


O OCTONARIO:
Está simbolizado pelo encontro de Dois Quadrados Perfeitos, a Estrela de Oito Pontas.
Este Octonário ou Estrela de Oito Pontas, nos está mostrando o terceiro trabalho, ou trabalho da TERCEIRA MONTANHA.
É um trabalho que fazem todos os que tem logrado converterse em resurrectos. É o trabalho de buscar um discípulo e encarregar-se de levá-lo até as portas da Segunda Montanha, o trabalho do Sacrifício pela Humanidade.
No Septenário logramos o 99% de Consciência. No Octonário vamos a conquistar o 1% de Consciência faltante, para que tenhamos o cem por cento de Consciência. Se criarám os Corpos de LUz. E se buscará um Discípulo que inicie a Segunda Montanha.
Esse é o trabalho, é um trabalho dedicado ao Sacrfício pela Humanidade, se o denomina "A Terceira Montanha". Para alguns será muito fácil fazê-la, porque já levam seu discípulo avançado, porém outros deveram comezar a fazê-lo. Esse trabalho pode durar séculos, ou milhões de anos. Aqui começará a Águia a tragar a Serpente.
Até aqui temos o Octonário ou Estrela de Oito Pontas, Agora vem os passos finais, o NOVENARIO e o DENARIO.

O NOVENARIO:
O Novenário tem que fusionar as forças do Cristo, do Lúcifer e do Espírito Santo em Uma Só Força, o Espírito.
No Novenário vem isso que se denomina o Purgatório, Quando as forças se fusionam formando a "O" do Deus Mãe, integrada pelo Espírito Santo, o Lúcifer e o Cristo, O Fogo, os Três Princípios do Amor. Eles tem que preparar-se e purificar-se.
Porém, vejam o que dizem lá: "O lugar que chegam os desafortunados que chegaram a essas alturas". E lhes dizem desafortunados por que, pois, pela ansiedade tão terrível que tem para que se dê o seguinte passo. Estão a um passo pequeníssimo de entrar ao Absoluto, de que se complete o DEZ.
No Novenário o Pai ainda está por fora, e lhes estão esperando para que a Luz, a Sabedoria do Paí, os penetre e fiquem convertidos em Unidade Multipla Perfeita.
No Purgatório se termina, ou se mata, a Mecânicidade da Volta, a parte mecânica deve terminar ai.
Se nos chegamos a este ponto já somente é questão de esperar, porque o Paí penetrará e ficará este que é um Homem Absoluto. Um Novo Sol se terá criado.


O DENARIO:
O Denário fica completo quando as duas forças se complemetam: a "I", ou Sabedoria, e a "O", ou o Amor, Paí-Mãe.
Quando a Sabedoria penetra no Espírito se converte em um Homem Absoluto. Se termina a Volta, se ha logrado a integração do Ser. Otra Unidade Multipla Perfeita. Se ha Auto-Realizado um novo Ser no Absoluto.


voltar atrás

Inicio   I   3 Fatores   I   Conferências   I   Salas de conferências   I   Biblioteca   I   Estudos   I   Links

Resolução mínima 800x600 - Copyright © 2008 e-mail: conhecimentodesimesmo@gmail.com