Inicio   I   3 Fatores   I   Conferências   I   Salas de conferências   I   Biblioteca   I   Estudos    I   Links


Conhecimento de Si Mesmo - Conferência Nro 37

voltar atrás

Prática para o desdobramento Astral. O Saltinho


Para conseguir o Desdobramento Astral é necessário que pratiquemos, durante o dia, executar saltinhos com o desejo de flutuar para verificar em que dimensão nos encontramos.

 Ao estar repetindo durante o dia, perguntando-nos em que dimensão nos encontramos, nos ajuda a tomar consciência, já que durante a noite se repetirá o que façamos durante o dia.

Descobriremos que nos encontramos em astral ao ver que flutuamos.
Se nos acostumamos, pela manhã, antes de levantar-nos da cama, a dar o saltinho sempre que nos levantamos, veremos algo muito interessante. Depois que nos deitamos, o Corpo Astral se levanta da cama.

Porém se nos acostumamos a fazer o saltinho, ficaremos flutuando. Então sairemos do quarto desdobrados conscientemente.

Nos Daremos conta que: "Ah! estou em astral" viramos e olhamos o corpo físico e ai o veremos.
Se alguém, por exemplo, quer, esta mesma noite, desdobrar-se, o único que tem que fazer é concentrar-se e mantralizar e levantar-se cada quinze minutos, dando um salto com o desejo de flutuar.

Se não ficou flutuando, volta a deitar-se, mantraliza outros quinze minutos e novamente se levanta e dá um saltinho, até que fique flutuando.

A prática faz o Mestre. Mais a frente poderá suprimir tudo, quando já se tem certa experiência, a pessoa se concentra única e exclusivamente em observar o momento quando se cambia da vigília, do físico, ao sonho.

Quando a pessoa percebe, ou se dá conta, levanta-se da cama e dá um salto, então omite todos os passos.

Porém observem que é necessário começar com uma determinada disciplina.
Muitos alunos que quiseram comprovar isto em um só dia, não tiveram outra alternativa que sentar-se em uma cadeira e começar a praticar; fazem o relaxamento, como vamos fazer agora, mantralizam por uns instantes e uma vez terminado, se vai levantando e dá um saltinho com o desejo de flutuar.

Se não ficam flutuando, repetem novamente o processo até que o corpo físico esteja tão cansado que não se levanta. Então, o Corpo Astral sai e fica flutuando e vê o outro ai sentado. Acabou-se o problema, já se desdobraram e comprovaram e a partir deste momento tudo muda na vida da pessoa.


Prática para o Desdobramento Astral com saltinho:

1 - Conjuração do Belilim e Círculo Mágico
2 - Súplica ao Pai e a Mãe Divina para que o assista (de forma pessoal, com as palavras que se quer fazer a súplica)
3 - Propor o objetivo da prática
4 - Fazer um relaxamento curto observando que todo o nosso corpo se encontre bem, se sentimos alguma parte dolorida, nos acomodaremos melhor.
5 - Mantralização: FAAAARRRAAAAOOOMMMMM (se repete por quinze minutos).
6 - Saltinho. Verificar em que dimensão se encontra: levantar-se e saltar com o desejo de flutuar.


voltar atrás

Inicio   I   3 Fatores   I   Conferências   I   Salas de conferências   I   Biblioteca   I   Estudos   I   Links

Resolução mínima 800x600 - Copyright © 2008 e-mail: conhecimentodesimesmo@gmail.com